Pernil de cordeiro assado

Cada vez mais pessoas preparam cordeiro em casa. O que aconteceu? Melhorou o cordeiro ou mudou o hábito? As duas coisas. As mesmas pessoas que torciam o nariz diante da possibilidade de consumir carne de cordeiro, hoje fazem fila para comprar.

Modo de preparo

Deixe o pernil fora da geladeira por 1 hora antes do preparo. Em temperatura ambiente, o tempero age melhor. Corte o alho no sentido longitudinal em forma de cunha. Separe o alecrim em pequenos tufos. Coloque a pimenta dentro de um pano e enrole fazendo uma trouxinha. Com um martelo, quebre os grão de pimenta, deixando-a pedaçuda. Outro método é colocar os grãos sobre uma superfície dura, granito por exemplo, e esmagar os grãos com um pau de macarrão. Misture o azeite com o vinho. Com uma faca bem pontuda, faça furos com 1 cm de profundidade, em volta do pernil, a cada 4 cm. Faça 2 ou 3 voltas de furos a partir da parte grossa do pernil. Nesses furos, introduza ora alho, ora alecrim. Coloque o pernil em uma assadeira e passe sal grosso e pimenta por toda sua volta. Regue o pernil com a mistura de azeite e vinho e deixe pegar gosto fora da geladeira, coberto com um pano, por 1 hora. Asse em forno preaquecido a 220ºC. Calcule 1 hora para cada quilo de pernil para ficar bem ao ponto junto ao osso. Não esqueça de regar sempre a carne com o tempero que ficou na assadeira. Com um pano seco, segure o pernil pelo osso da canela e corte no sentido do comprimento. Sirva com uma salada um pouco amarga de rúcula, agrião e escarola. Serve 6 a 7 pessoas