Goulash de vitelo

Este é o prato que tornou a Hungria famosa. A receita a seguir é uma entre as milhares de formas que os húngaros preparam o “verdadeiro” goulash. Se cada um tem sua própria versão, em um ponto todos concordam: muita cebola e panela grande. Da quantidade de cebola utilizada, resultará o excelente molho e da panela grande o gostinho de assado que só é possível se praticamente toda a carne encostar no fundo da panela, no início do preparo. Fica muito bom o goulash feito com sobrecoxa de frango sem osso, paleta de porco e até de cordeiro, tudo em cubos de 2 cm.

Modo de preparo

Retire a carne da geladeira uma hora antes do preparo para que atinja a temperatura ambiente. Em uma panela grande, aqueça o óleo e refogue a cebola. Quando começar a dourar, junte a carne e frite até que ela fique bem dourada, mexendo sempre. Vale a pena dividir a carne em duas partes para que doure melhor. Quando toda a carne estiver pronta, acrescente a páprica picante, a noz-moscada e sal. Misture bem. Junte o tomate e mexa bem. Tampe parcialmente a panela e cozinhe por 30 minutos ou até a carne ficar macia. Mexa a cada 10 minutos. Acrescente a páprica doce e acerte o sal se necessário. Acompanhe sempre com nhoque húngaro.