Filé mignon de porco com laranja e vinho do porto

O filé mignon de porco, apesar das dúvidas de muitos, é uma carne magra, mas suculenta. Principalmente quando não muito passada. É uma carne saborosa e incomparavelmente mais macia do que o lombo, tão conhecido de todos.

Modo de preparo

Tempere a carne com sal e pimenta. Polvilhe com tomilho e aperte para que grude bem na carne. Deixe fora da geladeira por 30 minutos. Em uma frigideira pesada, em fogo médio, derreta 2 colheres de sopa de manteiga, junte a carne e doure de todos os lados por cerca de 8 minutos, mas deixando o centro rosado. Retire e reserve. Coloque a manteiga restante na frigideira, acrescente a cebola e, ainda em fogo médio, refogue por 4 minutos ou até que fique transparente. Junte o suco de laranja e o vinho e limpe bem o fundo com uma colher de pau. Deixe reduzir por 1 minuto. Retorne a carne e o suco que ficou no prato. Tampe e aqueça bem por mais 1 minuto, mexendo bem. Coloque a carne em uma travessa e corte em rodelas de 1 cm. Sirva nos pratos com uma colherada do molho por cima. Dica: para saber o ponto é só ir apertando enquanto está na frigideira. À medida que ficar mais firme, está ficando mais passada. Pode comer rosado, sem susto. O antigo risco com carne de porco malpassada, atualmente é mínimo. Serve 4 pessoas