Caldo de carne - base para molhos ou sopas

Fazer um bom caldo é fundamental para conseguir ótimas sopas, molhos, risotos e polentas. O bom caldo é a base disso tudo. Fazer caldo de carne bovina, de rabada ou de frango é exatamente igual. A diferença, obviamente, é a matéria prima utilizada. Para o de boi, use osso de costela ou costela bem magra; para o de rabada, use sempre aquelas pontinhas finas, que são mais saborosas e, no de frango, use o dorso, pescoço e pé – sendo que o pé nunca deve ser mais que a metade da quantidade total.

Modo de preparo

Em uma panela grande, coloque 3 a 4 litros de água para ferver. Na água, coloque tudo menos os ossos, as cebolas e as cenouras. Quando estiver fervendo, abaixe o fogo para o mínimo.
Em uma assadeira grande, coloque os pedaços de ossos mais as cenouras e as cebolas. Asse tudo em 200°C. Quando a cenoura e as cebolas estiverem bem assadas, coloque-as na panela de água fervente.
Deixe os ossos assarem mais, até que fiquem bem assados.
Retire os ossos do forno e coloque-os na panela com os legumes.
Lembre-se que não vai sal no caldo. Isso é muito importante, pois com a redução, o sal concentra.
Vá retirando a espuma que se forma na superfície com uma escumadeira.
Quando reduzir para a metade, coe e reserve. Deixe amornar e com a mão remova a carne dos ossos e coloque de volta no caldo.
Se for usar o caldo, está pronto. Acerte o sal e na hora de servir, coloque 100 ml de vinho do Porto, mas só na hora de servir.
Se for para base de molhos ou caldos, base para risotos e polentas, congele em formas de ½ litro e use conforme a necessidade. Serviço: Visite nossa Loja Virtual para comprar carnes Wessel e outros produtos para churrasco e gastronomia.