Antiga receita de picadinho de boi com feijão-de-corda

Esta é uma antiga receita de picadinho sem tomate e com feijão-de-corda, que foi levado aos EUA com os primeiros imigrantes sefaraditas. Ela chegou ao Novo Mundo antes mesmo que os tomates aparecessem no Velho Mundo. Por ser uma tradicional receita de família, passada de geração em geração, permaneceu em sua forma original. Se não encontrar feijão-de-corda, substitua por feijão fresco (aquele debulhado da fava), que fica muito bom também. Lembre-se apenas de que o feijão fresco é macio, assim o tempo de preparo deve ser reduzido.

Modo de preparo

Coloque uma panela no fogo com 2 litros de água. Tempere a carne com sal e pimenta e o alho. Aqueça azeite em uma boa panela e doure a carne. Reserve. Coloque a cebola e quando começar a muchar, junte a carne reservada. Embrulhe a pimenta em grão em uma gaze, amarre as pontas e junte na panela. Cubra a carne com água fervente e cozinhe por 2 horas ou até que a carne fique macia. Deixe esfriar e coloque a panela na geladeira por uma noite (ou por várias horas). Retire a gordura do caldo e corte a carne em fatias finas. Coloque o feijão na panela e cozinhe em fogo baixo, com a panela tampada até que fique macio. Junte a carne, acerte os temperos e sirva. Dica: uma antiga receita do New York Cookbook de 1902 acrescenta 1 colher de sopa de açúcar e 2 de vinagre de vinho branco 15 minutos antes de servir o feijão. Serve de 6 a 8 pessoas

Imprimir receita